Cree en grande.
CONMEBOL

Palmeiras goleia River como visitante nas semifinais

Palmeiras goleia River como visitante nas semifinais

O brasileiro Palmeiras derrotou como visitante o argentino River Plate por 3-0 (parcial 1-0) no jogo de ida das semifinais da CONMEBOL Libertadores 2020 disputado nesta terça-feira no estádio do Independiente, em Avellaneda (periferia sul bonaerense).

Rony (26), Luiz Adriano (46) e Matías Viña (61) marcaram os gols para o Verdão, que prolongou seu invicto nesta CONMEBOL Libertadores, enquanto River terminou o duelo com dez jogadores devido a expulsão do volante colombiano Jorge Carrascal (59), por uma forte falta em Gabriel Menino.

Assim, Palmeiras chega com uma importante diferença de gols para a revanche que será disputada na terça-feira, 12 de janeiro, no Allianz Parque de São Paulo.

O ganhador desta série enfrentará na grande final, do dia 30 de janeiro no Maracanã, o vencedor da outra semifinal entre o argentino Boca Juniors e o Santos do Brasil que duelarão nesta quarta-feira.

-Os números do jogo-

  • Palmeiras já tinha ganhado do River por 3-0 nas semifinais da CONMEBOL Libertadores: foi em 1999, como local, no segundo encontro da série (o Verdão foi campeão, superando o Deportivo Cali na final).
  • É a terceira vez na história da CONMEBOL Libertadores que River perde um jogo como local por 3+ gols (0-4 x San Lorenzo em 1973 e 0-3 x Flamengo em 1982).
  • Nicolás De La Cruz chegou a 100 partidas disputadas com o River Plate; é o 16º jogador que alcança esta marca desde que Marcelo Gallardo é o treinador do 'Milionário'.
  • Rony anotou cinco gols nos seus últimos seis jogos da CONMEBOL Libertadores; na edição passada, defendendo o Atlético Paranaense, não marcou nenhum gol em oito encontros.
  • Jorge Carrascal recebeu seu primeiro cartão vermelho na CONMEBOL Libertadores (13 PJ) e o segundo no total desde que é jogador do River Plate (34 PJ); é a 11ª expulsão de um jogador do River desde que Marcelo Gallardo é o treinador – em três das últimas quatro edições teve uma expulsão nas semifinais ou finais (2017, 2019 e 2020).
  • Luiz Adriano chegou a cinco gols em cinco jogos disputados com o Palmeiras na CONMEBOL Libertadores 2020.

 

 

 

CONMEBOL.com

OPTA/AFP